Meia com calcanhar francês

Posted by Clara Beauty Posted on mar - 11 - 2010

Durante as Olimpíadas, as participantes da lista The Crazy Knitting Ladies compraram a idéia do site de relacionamento para tricoteiras Ravelry e participaram da Ravelimpics.

 Como todas estavam cheias de projetos nas agulhas, combinamos de tricotar meias, porque serviriam tanto para o Projeto Pé Quente, como era um trabalho rápido e certamente conseguiríamos terminá-lo antes das Olimpíadas acabarem. Mais: a maioria das pessoas não sabia fazer meias, então, tricotá-las seria um desafio, bem no clima dos jogos olímpicos mesmo.

Meias Olímpicas

 A partir daí, surgiram discussões hiper produtivas sobre o assunto, técnicas, melhores fios, melhores calcanhares. Aos poucos, nós vamos trazer essas descobertas para você.

Começamos hoje com a meia com calcanhar quadrado ou francês, como é mais conhecida por aí. Antes que você pense “ah, eu não vou fazer porque eu acho que é difícil”, convidamos você a tentar. Pegue agulha e lã e comece, seguindo direitinho a receita. Se pintar dúvidas, nos escreva.

Bom tricô!

Material
1 novelo de Kalu, da Pingouin, nas cores de sua preferência
Jogo de 5 agulhas 3,5 mm ou duas circulares com a mesma espessura
Marcadores de ponto

 

Execução
Coloque 12 pontos em cada agulha, perfazendo 48 no total. Feche circularmente e coloque um marcador para você saber onde começou a tricotar.
Faça 12 carreiras em ponto barra 1×1, mude a cor (opcional) e continue tricotando por mais 16 carreiras.

Para o calcanhar, você vai trabalhar apenas com as duas agulhas (24 pontos) relativas aos pontos da sola do pé. Importante notar que para fazer o calcanhar, você vai deixar de tricotar circular e, por isso, vai tricotar a partir de então do lado direito e avesso do trabalho.

Na carreira de ida, tricote 1 ponto em meia alternado com um ponto sem fazer (apenas passe o ponto em meia para a agulha da direita, sem tricotá-lo), terminando a carreira com 2 pontos em meia. Na carreira do avesso, passe o primeiro ponto sem fazer e tricote em ponto tricô até o final da carreira. Repita as duas carreiras até ter um quadrado. Vai ficar mais ou menos assim:

Técnicas para meia 

Dobre desta maneira para verificar se já está no tamanho de um quadrado.

Ao final, divida os 24 pontos das agulhas em três grupos de 8, colocando um marcador de pontos entre os grupos, da seguinte forma: 8 pontos (coloque o marcador) 8 pontos (coloque o marcador) 8 pontos.

Tricote em ponto meia no lado direito do trabalho, fazendo a seguinte diminuição: um mate simples nos dois pontos imediatamente antes do primeiro marcador e dois pontos juntos logo após o segundo marcador.
Do lado avesso, tricote toda a carreira em ponto tricô, normalmente. Repita a operação até restar apenas os 8 pontos centrais na agulha.

A partir daí, vamos fechar o calcanhar. Para isso, você vai levantar 12 pontos de cada lado do quadrado: ao terminar os 8 pontos do lado DIREITO do trabalho, levante os 12 pontos, depois tricote os 24 pontos de cima do pée então levante mais 12 do outro lado do quadrado.

No final, você terá 12 pontos em cada uma das duas agulhas de cima do pé e 16 pontos em cada agulha da sola (12 pontos levantados + 8 pontos centrais + 12 pontos levantados = 32, dividido em duas agulhas). Meias Olímpicas 

Volte a tricotar circular, fazendo uma diminuição nas duas laterais do pé a cada carreira, sempre nas agulhas da sola, até que você tenha novamente 12 pontos em todas as agulhas.

Continue tricotando até alcançar o tamanho desejado, fazendo diminuições laterais sempre que necessário para a meia não ficar frouxa.

Ao chegar na ponta, arremate e costure.

2 Comentários nesta postagem.

  1. Manuela disse:

    Olá!

    Achei sua receita bem interessante.
    Tricotei até ficar com 8 pontos centrais (de cima do pé), levantei apenas de um lado, os 12 pontos, daí para a frente fiquei com a seguinte dúvida:
    1- Quando você diz para tricotar os 8 pontos, é para tricotar por quantas carreiras?
    2- Enquanto eu vou tricotar a parte de cima dos 8 pontos, os 12 pontos apenas de um lado que levantei, ficam em espera, sem tricotar, bem como os outro lado, que vou levantar mais 12 pontos posteriormente?
    3-No meu trabalho, me pareceu que ficou muito curta a sola do pé, quando cheguei em 8 pontos, não entendi como chegarei até o final.

    Por favor, poderia me explicar mais detalhadamente?

    Desde já, agradeço.Amei as meias, bem bonitas e coloridas então, ficam alegres.
    Manuela


    Oi Manuela
    vamos lá, responder suas perguntas :)
    1- Repare que quando você divide em três grupos de 8, você vai fazer diminuições. Você vai tricotar os três grupos, começando com 24 pts, e só pare quando você tiver apenas 8 pts na agulha.
    2- Vc levanta 12, tricota-os conforme indicado, tricota os 8 pts que restaram na agulha, e em seguida levanta mais 12 pts do outro lado do quadrado. No total, vc terá 32 pontos (16pts em cada agulha). A partir daí, volte a tricotar circularmente, pegando os pontos que haviam ficado na espera nas outras agulhas.
    3- Bem, eu fiz essa meia para mim, que calço 35. Se o seu pé é maior, talvez a meia esteja mesmo pequena. Assim sendo, aumente os números de pontos para fazer a sola. Invés de trabalhá-la com 12 pontos iniciais em cada agulha, trabalhe com, digamos, 16pts, por exemplo, e faça menos diminuições. Vai ter que testar para saber o que é melhor para você.

    Dica: vá experimentando enquanto tricota. Foi assim que eu fiz :)
    Bjos

  2. Manuela disse:

    Agradeço as dicas e a atenção.
    Vou seguir direitinho as suas instruções, serão minhas primeiras meias, estou curiosa para ver como ficarão.

    Beijos

    Manu
    como são as suas primeiras meias, se me permite, eu sugiro que você tente primeiro esta receita: As meias mais simles do mundo http://www.tricoteiras.com/?p=529

    para vc entender como funciona :)